Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cinematologia

Repositorium de todos os filmes que vi

Cinematologia

2016-Jason Bourne by Paul Greengrass

Imagem relacionada

 

Sinopse

Depois de "O Legado de Bourne", em 2012, em que Jeremy Renner substituía Matt Damon como protagonista da saga, iniciada em 2002 com "Identidade Desconhecida", chega "Jason Bourne". O quinto filme vê Matt Damon regressar ao papel principal e Paul Greengrass, que fez o segundo e o terceiro filmes, à cadeira da realização numa sequela directa de "Ultimato", o filme de 2007. A acção decorre alguns anos após os eventos de "Ultimato", com Bourne, o ultrapoderoso agente secreto a reaparecer ainda à procura de descobrir a verdade sobre o seu passado, tudo enquanto há um novo programa da CIA para o apanhar. Além de Matt Damon, o elenco inclui Tommy Lee Jones, Alicia Vikander, Vincent Cassel, Julia Stiles e Riz Ahmed.

cinecartaz.publico.pt 

 

Crítica:

A gestação de nove anos deu-nos uma réplica dilacerada pelos habituais lugares-comuns, o filme de Paul Greengrass pode bem ser moderno, mas é repetitivo e a inovação diversas atribuída à saga não encontra lugar em todo este pano global. Porém, aquilo que não se pode acusar neste Jason Bourne é de moleza, o filme continua a apresentar-nos um ritmo gratificante, sempre interagido com o realismo e ampliado por um realização hand-cam de enorme carácter. Depois disto, temos ainda uma Alicia Vikander a roubar qualquer cena em que surge (não percam esta "rapariga" de vista, por favor).

Contudo, existe algo interessante nesta, para muitos, enésima produção de adrenalina: é que Jason Bourne faz até um certo mapeamento da situação europeia através dos seus locais de rodagem. Iniciando com a Islândia, passando pela Grécia (sob motins), chegando à Alemanha e atravessando uma Inglaterra receosa, quatro localidades que traduzem todo um recente historial da velha Europa, o continente em constante metamorfose politica, social e económica. Todavia, não estou aqui para dar lições ou debates sobre a nossa vivida actualidade, isso terá que ficar para outro dia! 

cinematograficamentefalando.blogs.sapo.pt

 

Cinemantário: Mais do mesmo, mas muito melhor que The Bourne Legacy.