Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cinematologia

Repositorium de todos os filmes que vi

Cinematologia

2008-Defiance by Edward Zwick

Resultado de imagem para defiance movie poster

Ciclo de Cinema|Óscares 2009

Nominee Best Music (Original Score) 

Sinopse:

Em 1941, o avanço implacável de Hitler custa a vida a milhões de judeus. Para três homens, esta tragédia marca o início de uma guerra dentro da guerra. Quando a sua aldeia é invadida, os irmãos Bielski refugiam-se na floresta que conhecem desde miúdos. Começam por tentar sobreviver, mas a sua história é conhecida e começam a juntar-se a eles homens e mulheres, jovens e velhos, dispostos a tudo para permanecerem livres e vivos. Os três irmãos vão acolher centenas de refugiados e, em nome daqueles que perderam, salvar milhares de vidas.

cinecartaz.publico.pt

 

Crítica:

Craig tem uma prestação vulgar e sem alma assemelhando ao seu 007 com a particularidade do sotaque de Leste. Já que falamos em sotaque, o filme todo é guiado por esse pormenor, onde judeus falam inglês e russos falam russos, isso não é de facto um defeito, já que seguindo no mesmo género, A Lista de Schindler de Steven Spielberg foi rodado em inglês, e quem diz ele diz milhares de filmes de Hollywood, países diferentes, mesma língua, contudo o sotaque característico é quase uma interpretação artística já que os actores estão ausentes e vazios existenciais tal como o tratamento das suas personagens. Liev Schreiber, um actor bastante limitado, parece ser peixe na água roubando todas as cenas em que surge devido ao seu carisma, e de resto nada demais a acrescentar só se for o desaproveitamento de Jamie Bell (o menino prodígio de Billy Elliot).

Edward Zwick nunca foi um autor de alma, apenas consegue somar 2 mais 2, em termos de espectáculo e juntar algum bacocismo dramático.

A não perder – O factor mais divertido do filme – um James Bond com sotaque.

O melhor – o lado técnico do filme

O pior – as interpretações, a realização não inspirada de Edward Zwick

cinematograficamentefalando.blogs.sapo.pt

 

Cinemantário: Um filme com todos os ingredientes para emocionar, mas que não causa nenhuma emoção.